INVICTUS – Poema

Poema de H. W. Henley – Invictus Sob o manto da noite que me cobre Negro como as profundezas de um polo a outro Eu agradeço a todos os deuses Por minha alma invencível. NasContinue lendo…

Entre a ética e o espírito

Ele, que entendia como poucos o “desencantamento do mundo” weberiano, uma de suas especialidades, sem querer acabou incrementando com sua morte, em 8 de junho, aos 67 anos, esse desencanto. O sociólogo Flávio Pierucci atuouContinue lendo…